Os Milagres e as Curas pela Fé Vem de Deus?

Esse realmente é um tema que mexe com a fé de todos. Não é de se admirar hoje em dia escutarmos por ai:”Fui curado por causa da minha Fé em Deus!”, ou “Fui na Igreja e o Pastor me curou!”.

Ainda tem aquelas pessoas que acham que tudo isso é uma farsa, um espetáculo para atrair seguidores para uma determinada religião. Sem dúvida, hoje vemos alguns “Milagres” acontecer: Santo que chora, que chora até sangue, pessoas que tinham problemas de saúde e foram curadas, pessoas que estavam a beira da morte e que fizeram promessa e foram curadas.

“Milagres, por definição, violam os princípios da ciência.” — RICHARD DAWKINS, EX-PROFESSOR DE CIÊNCIA DA UNIVERSIDADE DE OXFORD, INGLATERRA.
“Acreditar em milagres é completamente racional e de forma alguma desmerece a fé religiosa. Os milagres são sinais do amor e da contínua preocupação de Deus pela criação.” — ROBERT A. LARMER, PROFESSOR UNIVERSITÁRIO DE FILOSOFIA.

Mas e você? Acredita em milagres?

Talvez hesite em responder “Sim, acredito”, pensando que isso indicaria que você é uma pessoa crédula ou sem cultura. Muitos também pensam assim.
Por outro lado, é possível que você realmente acredite em milagres, incluindo os registrados na Bíblia, como aquele em que Moisés abriu o mar Vermelho. Pode ser que também acredite que hoje ocorrem milagres. De fato, um estudo recente editado pelo Dr. Graham Twelftree mostrou que “uma proporção considerável da população ocidental — por exemplo cerca de 75% dos americanos e 38% dos britânicos entrevistados — ainda acredita em milagres”. Além disso, os cristãos não são os únicos que acreditam em milagres. De acordo com a Britannica Encyclopedia of World Religions (Enciclopédia Britânica das Religiões do Mundo), a crença em acontecimentos milagrosos “é uma particularidade de quase todas as religiões”.
Pode ser também que você pertença a um terceiro grupo, que responderia: “Não sei e não quero saber. Só sei que na minha vida não acontece milagre nenhum.” Mas será que não vale a pena se interessar por milagres?

O QUE É UM MILAGRE?
É um acontecimento que transcende todas as forças humanas e naturais conhecidas, e que geralmente é atribuído a algum tipo de poder sobrenatural.

Vamos aos fatos. Como sitado a cima, a bíblia está repleta de milagres que Deus realizou a favor de seu povo. É interessante que no início da congregação cristã, depois da morte de Jesus esses dons milagrosos foram úteis. Em que sentido?

Você talvez saiba que quando Israel era a nação escolhida de Deus, ele muitas vezes fez milagres para mostrar que estava com o povo. Por meio de Moisés, Deus mostrou seu incrível poder ao libertar Israel do Egito e ao guiar o povo pelo deserto até a Terra Prometida. Infelizmente, vez após vez, os israelitas não mostraram fé. Quando Jeová, por fim, rejeitou Israel e estabeleceu a congregação cristã, ele deu poderes milagrosos aos apóstolos e a outros. Por exemplo, os apóstolos Pedro e João curaram um homem coxo de nascença, e Paulo trouxe um homem de volta à vida. (Atos 3:2-8; 20:9-11) Os milagres que eles fizeram ajudaram a estabelecer o cristianismo em muitas terras. Então, por que cessaram?
O apóstolo Paulo usou uma ilustração para explicar isso: “Quando eu era pequenino, costumava falar como pequenino, pensar como pequenino, raciocinar como pequenino; mas agora que me tornei homem, eliminei as características de pequenino.” (1 Coríntios 13:11) Assim como os pais não tratam um filho pequeno da mesma forma que tratam um filho adulto, Jeová também mudou sua maneira de lidar com a congregação cristã quando ela deixou de ser ‘pequenina’. O apóstolo Paulo explicou que aqueles dons milagrosos tais como a capacidade de falar línguas estrangeiras ou de profetizar seriam ‘eliminados’. — 1 Coríntios 13:8.
Acontece que também existiam poucas cópias das Escrituras. Geralmente, apenas os ricos possuíam rolos ou livros. Em terras pagãs não havia nenhum conhecimento sobre a Bíblia ou seu Autor, Jeová.(Salmos 83:18 Almeida corrigida 1969). O ensino cristão era transmitido oralmente. O objetivo dos dons milagrosos era mostrar que Deus estava usando a congregação cristã.
Mas Paulo explicou que esses dons cessariam quando não fossem mais necessários. “Quer haja dons de profetizar, serão eliminados; quer haja línguas, cessarão; quer haja conhecimento, será eliminado. Pois temos conhecimento parcial e profetizamos parcialmente; mas, quando chegar o que é completo, será eliminado o que é parcial.” — 1 Coríntios 13:8-10.

Hoje, as pessoas têm acesso a várias traduções da Bíblia, bem como a concordâncias e enciclopédias. Mais de 8 milhões de pessoas habilitadas estão ajudando outros a obter conhecimento de Deus baseado na Bíblia.(Mateus 24:14) De modo que os milagres não são mais necessários para confirmar que Jesus Cristo é o Libertador designado de Deus ou para fornecer provas de que Jeová está apoiando os seus servos.
Hoje em dia, temos a Bíblia completa, a qual inclui todas as revelações e conselhos de Deus. Temos o cumprimento de profecias, e temos um entendimento adiantado dos propósitos de Deus. Portanto, não há mais necessidade de milagres. Todavia, o mesmo espírito de Deus, que tornou possível os milagres, ainda existe e produz resultados que fornecem uma igualmente forte evidência do poder divino.

Então como explicar os Milagres que acontecem HOJE?

Será que a Bíblia ensina que é Deus que está por trás de todas as supostas curas milagrosas?’
A resposta a essa última pergunta é especialmente importante. Jesus alertou seus seguidores: “Vigiai-vos dos falsos profetas . . . Muitos me dirão naquele dia: ‘Senhor, Senhor, não profetizamos em teu nome e não expulsamos demônios em teu nome, e não fizemos muitas obras poderosas [milagres] em teu nome?’ Contudo, eu lhes confessarei então: Nunca vos conheci! Afastai-vos de mim, vós obreiros do que é contra a lei.” — Mateus 7:15, 21-23.
Fica claro que as chamadas curas milagrosas podem se originar de uma fonte que não seja Deus. Para não ser enganado por aqueles que alegam realizar milagres em nome Dele, precisamos obter conhecimento exato sobre Deus, usar a capacidade de raciocínio que ele nos deu e aprender a identificar aqueles que estão fazendo sua vontade.

Mateus 7:16-19 diz:”Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus.
Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar frutos bons.Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo.”

O apóstolo Paulo referiu-se ao Diabo dizendo: “O deus deste sistema de coisas tem cegado as mentes dos incrédulos, para que não penetre o brilho da iluminação das gloriosas boas novas a respeito do Cristo, que é a imagem de Deus.” (2 Coríntios 4:4) “O deus deste sistema” que é Satanás, o Diabo, tem sido o principal promotor desses milagres que não provem de Deus. “O próprio Satanás persiste em transformar-se em anjo de luz”, escreveu Paulo. “Portanto, não é grande coisa se os ministros dele também persistem em transformar-se em ministros da justiça.” (2 Coríntios 11:14, 15) O Diabo faz as coisas más parecerem boas e engana as pessoas, levando-as a crer em mentiras.

Sabe por que isso é verdade? Porque Jesus disse que os verdadeiros discípulos no tempo do fim seriam identificados pelo amor, e não por milagres ou coisas parecidas. ele disse:“Por meio disso saberão todos que sois meus discípulos, se tiverdes amor entre vós.” — JOÃO 13:35.

Assim como era o caso entre os seguidores de Cristo no primeiro século, esse notável amor é observável hoje entre os genuínos discípulos de Cristo. O apóstolo Paulo escreveu a cristãos do primeiro século: “Com referência ao amor fraternal, não necessitais de que vos escrevamos, porque vós mesmos sois ensinados por Deus a vos amardes uns aos outros; e, de fato, vós o estais fazendo para com todos os irmãos.” Mesmo assim, Paulo acrescentou: “Que prossigais fazendo isso em medida mais plena.” (1 Tessalonicenses 3:12; 4:9, 10)

E como vimos em Mateus 7:15, 21-23, os falsos profetas ou filhos do Diabo, seriam reconhecidos exatamente por fazer tais coisas!

Mas aonde encontrar o verdadeiro amor dentro de uma religião se vivemos em um mundo egoísta e frio?

Convido você leitor a ler esse artigo e tirar as suas conclusões.

Anúncios

Um comentário sobre “Os Milagres e as Curas pela Fé Vem de Deus?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s