As Testemunhas de Jeová e Jesus Cristo, Desmistificando a Lenda.

Esse vídeo é para as pessoas que dizem que as testemunhas de Jeová não aceitam ou não acreditam em Jesus.

Anúncios

8 comentários sobre “As Testemunhas de Jeová e Jesus Cristo, Desmistificando a Lenda.

    1. Assistiu o vídeo inteiro?? o vídeo mostra que o fato de Jesus ser chamado de Deus não identifica como DEUS TODO PODEROSO. assim como moisés, juízes, anjos também são chamados de deus na bíblia, assim Jesus também é. mas ele é submisso ao pai, e menor que o pai, conforme diz 1 corintios 15:27,28 e tem um Deus acima dele conforme apocalipse 3:12.

      Curtir

  1. SLV

    Os fariseus queriam matar Jesus por ele se fazer igual a Deus….e o que vocês acham disso?
    os fariseus disseram a Jesus: ainda não tens 50 anos e vistes Abraão?
    E Jesus os respondeu: Antes que Abraão existisse EU SOU. (João 8:58)
    A própria palavra diz desde o princípio do mundo EU SOU quem enviou a vós….assim dizei ao povo de Israel EU SOU quem SOU (Êxodo 3)…..vejam que a própria palavra diz com clareza…. sem contar a divindade do Senhor JESUS.

    Curtir

    1. De fato o verbo hebraico אֶהְיֶה (Eh-yéh) usado em Êxodo 3:14 significa “virei a ser”, “tornar-me-ei” e não ” eu sou”. A versão Americana Rei Jaime foi baseada na Vulgata latina e durante séculos perpetuaram este desvio sutil. ( lat.: é·go sum ). ’Eh·yéh deriva do verbo hebr. ha·yáh, “vir a ser; tornar-se; mostrar ser”. Em Êxodo 3:14 , ’Eh·yéh está no imperfeito, na primeira pessoa sing., significando “virei a ser; tornar-me-ei”; ou: “mostrarei ser”. Portanto, a ligação entre Êxodo 3:14 e qualquer outro texto onde se use a expressão “Eu Sou” não passa de perpetuação de equívoco. Um exame mais detido revela uma flagrante adulteração do texto de Êxodo, visto que além de parafrasearem a fim de criarem esta “ligação” fantasiosa, removem o Nome de Deus no verso seguinte e o substituem pela palavra “Senhor” que não ocorre no texto da Bíblia Hebraica.
      Observe o que o versículo 24 de João 8 diz:

      “Por isso, eu vos disse que morrereis nos vossos pecados; porque, se não crerdes que EU SOU, morrereis nos vossos pecados.” (Versão Almeida)
      Os judeus não associaram Jesus a Jeová, apesar dele usar a expressão “ego eimi”, pois não houve intenção da parte dos judeus em apedrejar Jesus, além de que, perguntaram sobre a verdadeira identidade de Jesus, e o próprio Jesus ainda disse que foi enviado por “aquele” e que recebia orientação “d’aquele”, revelando assim que ele não tinha vontade soberana. (Compare com João 6:38) No vers. 28 e 29 diz: “Disse-lhes, pois, Jesus: Quando levantardes o Filho do homem, então conhecereis que EU SOU, e que nada faço por mim mesmo; mas isto falo como meu Pai me ensinou.” Observe que novamente Jesus diz “EU SOU” (EGO EIMI), e qual foi a reação dos judeus? Pegaram em pedras para apedreja-lo? Veja o que versículo 30 revela:“Ditas estas coisas, muitos creram nele.” Então a reação dos judeus comprova que eles não encararam como blasfêmia o fato de Jesus ter usado a expressão “Eu Sou”, nem existe uma evidencia nestes versículos de que eles associavam tal expressão a Jeová.
      Se não fosse a obsessão pela frase EU SOU, a frase prin Abraam genesthai ego eimi, seria naturalmente vertida por “Tenho existido desde que Abraão nasceu”. É claro que se considerarmos a frase grega em seu sentido natural, isso já seria chocante para um Judeu na época. Eles consideravam Abraão um profeta e antepassado altamente abençoado, de forma que uma declaração dessas já seria de causar um grande espanto, sem a necessidade de recorrermos à ideia fantasiosa e forçada de que Jesus citava Êxodo 3:14. Não se pode negar que o tempo presente em grego pode ser corretamente traduzido pelo perfeito. No relato de João 14:8,9 onde Jesus responde a Felipe ““Tenho estado tanto tempo convosco e ainda não vieste a conhecer-me, Filipe?” A frase “tenho estado”, no perfeito, ocorre no tempo presente EIMI em grego. Podemos afirmar com boa segurança, portanto que verter EGO EIMI em João 8:58 por EU SOU, não é somente forçado, mas visa fabricar doutrina, ignorando que o verbo Eimi está no presente, mas o contexto circundante, não está. Isto é o presente de uma ação passada. Eruditos reconhecem isso (PPA). Em plena harmonia com isso diversas escolas de tradução verteram assim tal passagem;
      The Unvarnished New Testament-A.Gaus: “”Eu já tenho sido”

      New American Standard Bible em suas edições de 1963-1970 : “Eu tenho sido”-

      Noyes, G.R. N.T. (1878) O Novo Testamento de Noyes: “Antes que Abraão era , eu tenho sido”

      A Versão Copta do Novo Testamento no Dialeto do Sul, Horner: “Antes de Abraão, eu estou sendo” (Obs. A versão Copta foi escrita a 1800 anos quando o grego koine era língua viva!)

      Hanson, J.W. New Covenant (1884) The Living Bible: “Eu estava em existência antes de Abraão sequer nascer.”
      The Complete Gospels Annotated Scholars Version, (Versão Erudita) Miller: “Existi antes que havia Abraão”

      Swann, G. N.T. (1947) International English Version (2001) “Eu estava vivo antes de Abraão nascer”

      An American Translation, In The Language of Today, Beck: “Eu era antes de Abraão”

      The New Testament Or Rather The New Covenant-S.Sharpe: “Eu era antes de Abraão”

      A Bible, A New Translation- J.Moffatt: “Eu existia antes de Abraão nascer”

      Curtir

  2. RAFAEL

    A bíblia é bem clara, de Gênesis a Apocalipse, em afirmar essas verdades básicas: Jeová é o nome de Deus; Jesus Cristo, seu filho, foi criado por Jeová, seu pai, e o espírito santo é a força que emana de Jeová para realização de seus propósitos.

    Eu nem tenho o conhecimento tão avançado que vocês tem sobre a bíblia, mas, numa simples leitura, usando minha faculdade mental e simples, cheguei a essa conclusão.

    A história secular mostra claramente que a religião levou mais de 3 séculos para alçar Jesus a condição de Deus Todo-Poderoso. Antes todos sabiam que não era assim. Antes TODOS sabiam e criam, DE ACORDO COM A BÍBLIA, que Jeová é o pai de Jesus Cristo e que o espírito santo nem estava na lista para completar a tríade. Ué, se nem os apóstolos de Jesus ensinaram isso (pois não existe passagem alguma da bíblia dizendo que os apóstolos, muito menos Jesus, ensinaram isso), de onde tiraram essa maluquice??

    As passagens que A-PA-REN-TE-MEN-TE tratam de Jesus como Todo-Poderoso, nada mais são que ERROS DE TRADUÇÃO, má interpretação ou aplicações errôneas. Mas, poxa, não precisa de muito estudo pra saber tudo isso. Não precisava nem da confirmação da história para dizer o que a bíblia, TÃO CLARAMENTE, diz a respeito de Jeová, Jesus Cristo e o espírito santo. Tenham humildade, pelo menos, trinitaristas, e reconheçam a confusão (babilônia) que vocês causam em suas mentes e nas mentes de quem vocês enganam com esses “mistérios”.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s